28 de out de 2011

Caldo de cana

Certa vez estava na Santa Missa, no Santuario de Fátima no horário das 9hrs num domingo. Na hora da Comunhão, me veio uma imagem:

Um homem com uma máquina de fazer caldo de cana. Ele coloca canas na máquina e no outro lado saía o suco. E assim ele fazia até chegar um ponto que a cana não servia mais e jogava no lixo.


Me veio depois uma imagem de pessoas onde o mundo usa, usa, e quando ela não tem mais nada a oferecer.
É jogada no lixo, pois não serve mais para nada. Vi braços cheio de feridas de seringas, vi rostos de pessoas de jovens sujos, faltando dente, sujas. Desculpe, mas cheguei a visualizar uma vagina de uma mulher que passou o resto da vida se prostituíndo, estava meio que deformado de doenças, serviu tanto para satisfazer prazer de homens que a usava.



Essas almas (restos de canas) o Senhor quer recliclar, ou melhor restaur-las. São valiosas, pérolas, jóias, para Deus, e Ele sofre por dentro, chora, por vê muitas delas sofrendo e distante Dele.
 

"Braços fortes te dei pra levantá-lo
Meu amor, eu te dei pra aliviar a dor
Que ele enfrentou por querer e não ser fiel
Mas igual a ti, ele espera o céu."


Acho que fui entendendo a partir daí o seu Amor por nós, é como um pai que vê seu filho assim. Sofre com o sofrimento das almas. E parecia que pedia minha ajuda. Foi uma imagem forte, se foi de minha cabeça não sei, mas foi diferente. Senti-me impotente, fraco, é como quizesse ajudar, mas sem condiçoes.


E só respondi assim:

-- Senhor, em que posso ajudar?

*********************


Não entendo para quê tive essa experiência, mas se Deus me enviar ou me pedir algo , espero que também Ele me dê condições espirituais para tal missão.

Para fazer caridade não basta querer, tem que estar preparado psicologicamente, ter verdadeiramente AMOR.Imagine o quanto Irmã Dulve, Madre Tereza por exemplo sofreram, foram incompreendida. Mas o AMOR dentro delas era mais forte.Não é fácil.

E hoje tudo que sei é que não posso ficar presso ao meu mundinho, que existem pessoas que precisam de nós, não falo só materialmente, mas espiritualmente. Me acho incapaz, sem dignidade para ajudar uma alma.
mas a Misericórdia de Deus incrivelmente me pede para não desanimasse em ajudar-Lo nas almas a implentar o Reino de Deus, na situação em que eu estiver. Que não só fique olhando para meus probleminhas, meus pecadores, para o "meu umbigo".

Que não me preocupasse com meus problemas financeiros, materiais, que Ele cuidava de tudo. Claro, fizesse minha parte, mas que não me inquietasse, e que O ajudasse na evangelização, no cuidado das almas (ai meu Deus, e quem cuida da minha? rsrs).  Que Deus cuida de mim, mesmo que não perceba, mesmo que Eu esteja numa situação que não condiz com o que Ele pede.


"Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça e todas estas coisas vos serão dadas em acréscimo". (Mt 6,33)


*********************

Nenhum comentário:

Postar um comentário