21 de mar de 2012

O demônio quer sujar sua pureza

Aconteceu que, uma vez senti uma inquietação com o neto da minha vizinha, isso me fez rezar sobre o que estava acontecendo, se era só uma sensação humana ou algum tipo de aviso. Não queria chegar até a minha vizinha falar algo abstrato, tinha receios dela achar que fosse algum doido fanático, metido a místico, então esperei um pouco, fui rezar com a Bíblia e perguntei ao Senhor que inquietação era aquela, e que Deus confirmasse caso fosse alguma aviso, rezei e na leitura da palavra, me caiu uma passagem que falava do menino rebelde, isso aconteceu há uns 8 anos atrás não lembro bem qual livro da Bíblia, na palavra lembro que Deus comparava Israel como um menino rebelde.

O que senti? Àquele menino com um olhar doce e puro iria ser atacado, via como um cão preto perto dele, onde ele ía o cachorro ia atrás, ele parava e o cachorro parava perto dele, e chegaria o momento certo para "entrar" no menino e as coisas começarem a acontecer, a sua feição iria mudar, o seu olhar puro ia se transformar, sentia isso.

Seus pais eram separados, conhecia eles, eram pessoas boas, mas viviam cada um por si, sem Deus. Chamei a vó dele, e falei o que tinha sentido em relacao ao seu neto, lhe falei que ele precisava de oração, proteção espiritual, ela então me disse que naquele dia ela tinha sonhado com ele caindo numa fossa. Graças a Deus, ajudou a confirmar.

Assim acontece com todas as crianças de nosso meio, elas precisam de oração, são sensíveis na espiritualidade, e o demônio quer sujar sua pureza. Quase todas as noites, imponho as minhas mãos na cabeça da criança faço uma pequena e breve oração e os abençoe, por que sei que minha benção de pai, é muito importante para elas. E por isso que busque fazer isso também, as crianças são afetadas no lado espiritual, reze pelo anjo da guarda delas, invocando os anjos suplicando proteção para eles e sua família.



"e lhes dirão: este nosso filho é indócil e rebelde;
não nos ouve, e vive na embriaguez e na dissolução". (Dt 21,20)

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário