21 de mai de 2016

muitas palavras nao adiantaram, A oraçao sim

Bom noite Povo de Deus,


Permitam-me compartilhar uma experiencia que passei. Espero que tenha alguma serventia.

Uma amiga, um tempo atrás, engravidou do namorado e queria abortar. Contou-nos para mim e um outro amigo de igreja.

Conversamos com essa garota por umas 2 horas, tentando lhe convencer a nao fazer o aborto. Mas Depois soube que ela praticou o aborto. 😞

Tempos depois uma outra amiga contou-me que a prima dela iria fazer um aborto, ela engravidou do namorado, na qual ele incentivava.

No dia 08 de setembro, dia da Natividade de Nossa Senhora, na paroquia me ajoelhei diante uma Imagem de Nossa Senhora e pedi a Ela para que a garota não fazer o aborto, eu rezaria todo o rosário.

Depois minha amiga contou-me que ela nao iria mais abortar. 

Anos depois conheci a criança, ela se chama Maria Eduarda. Eu até a peguei nos braços. Que emoção!


No caso da primeira garota, nao sei se minha conversa foi convincente ou não, na verdade nem lembro ter rezado.
Mas a lição que pra mim ficou foi que muitas palavras não adiantaram, A oração sim.

Vejo pessoas, E me incluo nelas, que querem resolver as coisas pelas palavras, pelo grito. Chegando a cansar, oprimir àquele que escuta, parece aquele ditado: Quando mais se mexe, fede.

Tem espécies de demônio, que só se pode expulsar à força de oração e de jejum (Mt 17,20). Não com palavras.
Nossa luta não é contras homens, mas com forças espirituais espalhadas nos ares (Efesios 6).

Existem pessoas totalmente complicadas, no meio das drogas, na bebedeira, onde vejo pessoas querendo ajudar elas pelas palavras que ao invés de ajudar, faz é oprimir mais a pobre alma.

Precisamos buscar ser espertos contra essas forças espirituais que nos cercam constantemente, que oprime as pessoas, as levando a cometer atos, na qual elas próprias nao queriam.

Que o Senhor nos ajude a sermos combatentes pela oração! 

Deus nos abençoe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário